Qual o melhor tratamento para a pele em cada idade?

Produtos cosméticos para saúde da pele podem fazer a diferença na sua vida em todas as idades, desde o início da vida adulta. A chave é saber o que você e um especialista (Medico Dermatologista) podem fazer por ela em conjunto.

Os dermatologistas auxiliam aconselhando os pacientes sobre cuidados com a pele e hábitos saudáveis para envelhecer melhor, ajudar a reduzir problemas como rosácea, acne, transpiração, oleosidade, manchas, entre outros. Além disso, podem oferecer combinações de produtos e tratamentos para prolongar a juventude da pele e melhorar sua saúde.

Como cada faixa etária tem seus problemas e cuidados específicos. Detalhamos abaixo algums recomendações gerais para cada uma delas:

AOS 20 ANOS

Antioxidantes, hidratantes leves, tratamentos para acne. A dermatologia está aqui para acompanhar o paciente adolescente em um grande momento de sua vida, com tratamento para acne, ressecamento e prevenção através de uma rotina de cuidados com a pele que pode incluir antioxidantes, hidratantes e, é claro, proteção solar. E lembre-se: a melhor prevenção para entrar radiante nos anos 50 é iniciar o uso de protetor solar antes dos 20 anos. Os cuidados com a pele começam desde jovem!

Os cuidados com a pele começam desde jovem!

AOS 30 ANOS

Mantêr a pele em perfeitas condições. O objetivo nos seus 30 anos é manter a pele em perfeitas condições e aumentar todas as suas qualidades, do colágeno ao brilho, enquanto resolve as imperfeições visíveis, como pigmentação (manchas), veias vermelhas ou pele inflamada.
Talvez seja hora de usar a toxina botulinica ( Botox ) para evitar o aparecimento de linhas expressivas, enquanto peelings e lasers podem ajudar a renovar a pele e estimular a vascularização. O ácido hialurônico é usado para estimular o colágeno e hidratar a pele.

AOS 40 ANOS

Estimular o colágeno. A partr dessa idade os sinais de perda do colageno ja ficam mais visiveis por isso, o objetivo aos 40 anos é a estimulação do colágeno por radiofreqüência, ultrassom microfocado ou injetar estimulador de colágeno. Para uniformizar o tom e tratar rugas superficiais pode-se usar lasers. A reposição de volume traz uma melhora significativa.
Colágeno também é útil para o contorno do corpo, eliminar depósitos de gordura e melhorar alguns músculos. Atualmente podemos lançar mão de frequencia eletromagnetica focada de alta intensidade em conjunto com a academia para esse fim. Cada geração tem preocupações diferentes em relação a pele!

Cada geração tem preocupações diferentes em relação a pele!

AOS 50 ANOS

A luta contra as alterações hormonais. Para pessoas com 50 anos ou mais de idade, há uma grande alteração hormonal na menopausa e na andropausa que deve ser compensada pela estimulação do colágeno. Alias, o colageno é importante em todas as idades. Elastose (conseqüência da exposição ao sol), manchas solares ou telangiectasias (vasos vermelhos) podem ser tratadas com o laser. Mais cargas, mais colageno e menos botox. O campo da ginecologia estética não apenas rejuvenesce a área íntima, mas também combate a atrofia, a hiperlaxidade pós-parto ou a secura vaginal para aumentar a qualidade de vida da mulher.

AOS 60 ANOS

Envelhecimento ativo e natural. Aos 60 anos, devemos trabalhar globalmente para o envelhecimento ativo e natural, sem cirurgia e, portanto, sem tempo de inatividade ou risco de intervenção. Deve-se tratar a pele, seu tom frouxo, flacidez, brilho, danos causados pelo sol, mas também restaurar a forma e o volume, substituindo o contorno da mandíbula, preenchendo areas com essa necessidade. Aqui é importante lembrar que podemos ancar mão de todos os tratamentos citados anteriormente.

Lembre-se: a pele é o maior orgão do corpo humano. Cuide dela com carinho, mas não abra mão de acompanhamento com um medico dermatologista. O cuidado precoce faz com que possamos envelhecer com mais jovialidade e de uma maneira muito mais bonita, saudavel e natural. E, ao utilizar produtos de skincare como cremes e óleos, procure marcas que se preocupam com a saúde, a beleza e o bem estar como um todo.

E lembre-se: a idade é um fator determinante na hora de cuidar da saúde e .